17 de abril de 2012

Ataque Sorrateiro

Ontem tive uma entrevista de emprego como Mayra. Fui na primeira aula da faculdade lotada também, e me diverti com a feição de choque e surpresa de quem não sabia, e das palavras de apoio e carinho de quem sabia. Foi tudo bem, mesmo, o dia foi ótimo. Vou falar sobre tudo isso no próximo post. Absolutamente ninguém me tratou mal. Aliais, ninguém hora nenhuma havia me tratado mal, nunca. Até hoje.

Recebi um e-mail do meu padrinho, e colarei abaixo para sua apreciação. Ele quis me agredir? Bem. Eu tenho minhas armas também. Tenho minha voz, e se tem algo que eu possa fazer agora, é usar ela. Deliciem-se.

EDIT: Sim, modifiquei várias coisas no que falo aqui no post (apesar de no e-mail só ter omitido a assinatura dele). Principalmente porque postei com raiva, revolta. E agora... o que eu tenho é tristeza. Tristeza por ter uma pessoa que faça uma coisa dessas na família. E pena. Não sei. Enfim, na hora da postagem meu objetivo era contra-atacar mesmo. Era machucar. Não é mais. Deixo o post aqui para mostrar às pessoas uma verdade crua que descobri de forma ruim: ataques podem vir de toda e qualquer direção. Uma trans tem que estar pronta pra isso.



*****
MarceloA viga mestra da estrutura de uma família, o que a mantem unida é o compromisso de amor e respeito mútuo.A famíla que deu apoio no voce disse ser única chance de ser feliz está se desestruturando em função do comportamento irresponsável e vulgar que essa nova personalidade tem exposto públicamente.Se voce resolveu adotar um comportamento feminino não precisa ser o de uma perua nem de uma vagabunda.Em quem voce se espelhou para adota-lo?Certamente não foi dentro dessa família.Para seu conhecimento, uma vez que está totalmente alienado,as pessoas que amavam o Marcelo estão sofrendo muito com isso e justamente os que tentaram ajudar estão sofrendo as críticas.Se alguem resolve mudar sua personalidade e seu comportamento deve estar preparado para ser aceito ou não por aqueles da sua relação.Se pretende continuar fazendo parte do ambiente dessa família é bom tentar rever esse tipo de comportamento ou certamentevai acabar excluído.Uma vez que seu Pai e sua Mãe simplesmente assistiram de camarte a tudo isso, o para-raio de todas as críticas é a pessoa que te acolheu,protegeu e se sempre apoiou: sua Avó!Só pra lembrar, ela é a minha Mãe,que me criou, amou,enfim,fez tudo por mim e a quem eu tenho o compromisso de proteger a qualquer prêço.Resumo da Ópera: Nesse ambiente não tem lugar para esse tipo de comportamento nem para outra personalidade.Novos personagens que se candidatem a fazer parte de qualquer grupo correm o risco de serem aceitos ou não.Abra o olho ou comece a procurar alternativas. Sua batata está assadíssima.


*****

Sim, eu respondi. E as ofensas continuaram.

Infelizmente, há informações confidenciais da família nesses próximos e-mails e não posso postá-los por respeito a terceiros. Mas acho que passei a mensagem.

E pra você  meu padrinho... pense bem no que você me disse, e como você me disse, e imagine você ou seus filhos em uma situação dessas.

PS: Se alguém tiver concordado com ele, que eu tenha tido algum comportamento vulgar, por favor, me informe. Nunca foi minha intenção, e ele nunca explicou o que quis dizer, então para me iluminar, meu e-mail é mayra.viamonte@gmail.com

Beijos.

14 comentários :

  1. Me parece mais uma dor de cotovelo, deve estar com ciúmes do apoio de sua avó e provavelmente que ser o centro das atenções.

    ResponderExcluir
  2. Honestamente, eu acho que foi um sentimento exacerbado de proteção com relação a ela misturado com uma gota de homofobia. Até ai, ele querer proteger ela e me julgar mal, sabe... por mim tanto faz. Mas me chamar de vagabunda? Ai não da.

    E perua sou mesmo, com muito orgulho. Vou sempre cuidar muito do meu cabelo, das minhas unhas, comprar roupas lindas e acessórios.

    ResponderExcluir
  3. Te disse outro dia:

    "...
    As vezes eu digo pra minha esposa que a transição vai mostrar quem realmente me ama e se importa comigo. Sei que algumas dessas pessoas vão recuar inicialmente, a reação inicial sempre é de choque, meio que um "chacoalhão" que as deixa um pouco atordoadas, mas as que realmente gostam voltam... E as que não voltam, levante as maos ao céu e agradesça por se afastarem de você, pois não valeriam a pena elas continuarem em sua vida mesmo sem transição."

    Não precisa dizer mais, né?



    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  4. Pois é, foi um choque pra mim porque foi minha primeira interação negativa, de alguém muito próximo, e logo com ofensas. Mas sim, esse expurgo é necessário... e positivo.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Lara Macieski17/04/2012 12:10

    Acho que é mais uma questão de estar chocado do que qualquer outra coisa. E quando ele disse "perua" não foi um elogio, não foi chamando de "vaidosa", foi chamando de pessoa fútil. Preocupada com a aparência? Sim. Então por que perua e não vaidosa? Porque só se preocupa com isso e com nada mais, doa a quem doer, foda-se o mundo (isso é uma perua. Uma pessoa vaidosa se preocupa com a aparência, mas isso está longe de ser o foco da vida dela).

    Eu sinceramente não sei se você teve algum comportamento de vagabunda nesses dias, já que não tive muito contato com você.. Só vi o que postou no blog... PELO QUE ME PARECE, não teve nenhum...

    Se quer a minha opinião, acho que esse e-mail do seu padrinho demonstra apenas uma dificuldade absurda de lidar com mudanças - ainda mais uma mudança grande - e, é claro, MUITO preconceito (porque eu acho difícil ele mandar um e-mail hostil se a mudança fosse uma melhora no nivel econômico. Se você tivesse ganho na mega-sena e comprado um apto de quatro milhões em Ipanema e um BMW X6 M vermelho, também seria uma mudança grande e você provavelmente também receberia um e-mail, mas dizendo que você é o orgulho do dindinho!)

    Você sabia que isso ia acontecer. Não se consegue agradar a todos nem com uma pizza, quanto mais com uma mudança de estilo de vida. Suas próximas festas de aniversário, Natal e Ano Novo podem ter um clima tenso por parte de alguns parentes e você vai precisar ter muita força e sangue de barata para ouvir todo tipo de hostilidade e provocações e responder apenas "Estou feliz com minha vida, obrigada por se preocupar... Vou pegar uma coca-cola.. See ya.." e sair de perto.

    Se eu fosse você, POR SER UMA PESSOA DA FAMÍLIA, não responderia o e-mail de maneira hostil, responderia apenas:

    "Não tive nenhum comportamento inadequado, nem no que diz respeito a minhas ações, nem no que diz respeito às minhas escolhas.
    Não 'resolvi' adotar um comportamento feminino, eu nasci assim. Não foi uma questão de escolha, mas de necessidade, eu simplesmente não era feliz. Agradeço sua preocupação, mas não vou me tornar uma pessoa vulgar nem envergonhar a minha família.

    Acredito que estejam recebendo críticas, mas isso acontece o tempo todo, pelos motivos mais insignificantes... Pessoas infelizes tem prazer em criticar as outras e eu espero que, assim como eu, toda a família consiga responder que prezamos a felicidade e o bem-estar um do outro e não a opinião dos outros.

    Minha avó perdeu um neto e ganhou uma neta. Só isso. Não tem espaço para nenhuma vagabunda na minha personalidade, pode ficar tranquilo.

    Com todo o carinho e gratidão pela sua preocupação,
    Mayra"


    Ou ele vai cair na real ou vai explodir, não terá meio-termo =P

    ResponderExcluir
  6. Nao tive esse sangue de barata. Principalmente porque ele, em momento nenhum, me explicou o que exatamente ele classificou como comportamento de vagabunda ou perua, entao nem auto-critica eu posso fazer. Nem me explicar eu tenho chance.

    Eu tenho algumas teorias. Sera que foram as fotos dos meus seios? Porque aquilo sao fotos tecnicas, informativas, sérias. Nao tem nada de pornografico ali, eu quero é instruir as pessoas no que ocorre com a gente mesmo, inclusive outras trans.

    Sera que é meu jeito novo de falar? Sei la, esse é meu jeito natural, antes é que eu teatralizava aquela coisa mascula-defensiva.

    Sei la... eu realmente nao consegui decifrar.

    Veio me dizer depois que nao estava me ofendendo, estava me chamando a atençao. Queria saber se chamasse a esposa dele de vagabunda se ele ia entender isso assim...

    ResponderExcluir
  7. Sabrina Roxx17/04/2012 14:49

    Oi mayra,
    Bom, certa vez me disseram que os homofobicos, sentem-se incomodados por verem em nos, alguma coisa que eles tem, identificam-se e não gostam. Resumindo: o fato de você mostrar que e uma pessoa bem realizada no sentido de estar correndo atras da verdade e expor de uma forma reveladora, pode ser um motivo.

    Sabe que muitas pessoas olham e pensam: como e que este moleque, que agora e uma mulher e agora e livre? Bonita talvez? Sexualmente resolvida talvez? Bem sucedida?

    E ainda por cima, a pessoa pode se sentir parecida com você... Talvez você tenha alguma coisa lá no fundo em que ele se reconhece... E uma analise mais profunda rsrsrsrs... Mas sem duvida, ele tem algum problema que com certeza nem ele sabe.

    Mas e as boas notícias? Não vai comentar? Quero saber como foi na entrevista de emprego...

    Bjao e desculpe a falta de acentos, to no cel hihihihi

    ResponderExcluir
  8. Hahah normal...
    ...nao acho que ele tenha nenhum problema de sexualidade, nao. Acho que a questao é familiar... to começando a pensar que ele pode ter usado a palavra "vagabunda" como se diria pra um homem que ele é "vagabundo" porque nao trabalho. Eu dependo completamente da familia, entende? Mas enquanto ele nao explicar, realmente, todo mundo tem o direito de tirar qualquer conclusao sobre ele =)

    Vou siiim! Eh o proximo post. Ia ser hoje de manha, é que isso dai me deixou desnorteada. Mas ja me equilibrei.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Sinceramente, achei seu Tio bem educado, afinal não te xingou falando que você é doido ou uma aberração, já li email's de familiares falando de maneira muito grosseira para parentes que tomaram a atitude de assumirem ser homosexuais.
    Acho que a principal questão é a preocupação da sua avó mediante toda essa mudança. Por mais que ela fale que é normal para ela, e que esta aceitando, pode ser bem mais complicado para ela. Dentro ela pode esta havendo questionamento e talvez ela não esta se abrindo com você.
    Não acho q ninguém vai te excluir e não concordo em chamar esse email de "ataque". Foi uma preocupação com a pessoa que sempre cuidou de você e, com certeza, te apoiou nessa mudança.

    Você já conversou com ela sobre a mudança? Você não acha que ela poderia estar fazendo parte das suas conversas com o psicólogo?

    Bom, ela deveria ser sua principal preocupação. Afinal, trocar de gênero não é mais algo anormal perante uma faculdade ou uma entrevista. Pelo contrário, esta cada vez normal e aceito na sociedade.

    Mas para sua avó, que é de uma geração completamente diferente da nossa, pode ser algo muito difícil de entender, ela pode se culpar (sei que isso não tem nada a ver com criação, nem nada). Concordo com seu tio que deveria ser uma preocupação sua, não para impedir sua mudança, mas para dar a ela uma atenção maior, uma ajuda para que ela te entenda melhor.

    Bom, você esta linda sim!!! Já era um gato antes, eu mega te dava também, mas você era um chato, antipático!!! Ai...brochava né.
    Agora você esta mais feliz, simpática, realmente, uma anorme mudança que te fez bem.

    Não veja sua família como inimigos, tenho amigos que passaram por situações muito piores por terem se assumido trans ou homossexuais.

    É isso!

    Bjbj, gateeenhaaa

    ResponderExcluir
  10. Hahaha QUE QUE ESSO! Eu não sei fico lisonjeada com os elogios ou se fico triste com as pedradas de que eu era um cara antipatico e que brochava! aiuheiuaehiuaheiuae

    Eu não me incomodo com criticas, o problema é a forma como elas sao veiculadas. Nao importa o que voce queira dizer, quando voce chama a menina de vagabunda, a discussao acabou. Mas... enfim, prefiro nao discutir com mais detalhes a situação familiar. Mas sim, eu tento cuidar de quem cuida de mim =) Queria obter sucesso mais constantemente...

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. LaviniaGlliari20/04/2012 08:36

    Oi Mayra!!!
    Olha depois de ler o e-mail dele confesso que tenho até que me controlar porque realmente da vontade de acabar com a pessoa, imagino como você dever ter ficado ao ler isso tudo..... bom em todas as famílias tem pessoas maravilhosas e outras com atitudes e personalidade não tão boas...
    Também concordo com algumas amigas ali em cima, ele esta se incomodando com a atenção da família voltada pra você, será que ele também não esta incomodado com o dinheiro que a sua avó e os outros parentes gastaram com você?????? Ele quer o q que você desfaça as cirurgias, devolva a grana e volte a falar grosso??!Não sei não viu.... tenho certeza que a sua avó não esta sofrendo tanto assim, se não nem teria dado tanto apoio a você, certamente isso é muita homofobia da parte dele..
    Ignore esse tipo de gente May, é uma pena que muitas vezes soframos mais preconceito dentro da família do que na rua..

    ResponderExcluir
  12. Acho que o que ele realmente queria é que eu arranjasse um emprego e parasse de escrever no blog.
    Bom, no primeiro caso concordamos em numero e grau (só nao em genero, sacou? iuaheiuae sou muito idiota...) E estou procurando mesmo, inclusive pedindo ajuda ao coordenador do meu curso, que ja me ajudou instruindo os professores sobre o que aconteceria.
    No segundo... ahh filha, esse blog eu nao paro de escrever é nunca... se viura! xD

    ResponderExcluir
  13. Achava vc um gato!!! Mas era meio fechadão, as vezes simpático, as vezes não. Mas eu e uma amiga (que adoramos um cabeludo) te achava uma gracinha...gato!!!

    Mas como mulher ta gatíssima! E com o tempo e com os hormônios certos, vai ficar mais linda ainda.

    Mas deve sim, se preocupar com sua avó! Não é um discussão, só um conselho, afinal, para ela pode ser muito, mas MUITO difícil!!!
    Sem querer ofender, nem tomar partido do seu tio que te ama e quer "proteger" sua avó ou seu. Mesmo que de maneira meia errada.

    Enfim, ta linda e parabéns pela força e coragem!!!

    Desculpa...não era intenção ofender não, por favor né!!!!

    ResponderExcluir
  14. Ao ler o e-mail, não interpretei pelo lado do dinheiro nem pela mudança no visual. Apenas a preocupação de um filho com uma mãe, sua avó.

    Nossa gente, achei seu tio até bem educado. Já li e vi situações muito piores que amigos meus passaram por serem homosexuais. Sua família ta aceitando bem.

    Só se preocupam com uma pessoa que não entende a nossa geração....Enfim!

    Não estou aqui para agredir ninguém. Se estivesse estaria sendo hipócrita. Mas se eu mudasse de gênero, minha avó seria a primeira pessoa que eu conversaria muito, levaria ao meu psicólogo, explicaria minha mente confusa com meu corpo e etc, etc. Afinal, no tempo dela, que ela cresceu isso ainda não era possível! Enfim...chega!

    Você esta linda! Continue forte nesse caminho! Principalmente se VOCÊ esta feliz!!!!

    XOXO

    ResponderExcluir