25 de dezembro de 2012

Hidden Woman - Mayra

Há um centro de informações transgêneras, focado na transiçao MtF e especialmente no procedimento de feminização facial, que conta as histórias de cirurgias bem sucedidas e as transmulheres felizes que nascem delas, e aproveita para mostrar que a vida de uma transsexual pode ser bastante comum e pacata. Vale a pena dar uma lida.

http://www.thehiddenwoman.com/

O site foi escrito em inglês  mas possui uma barrinha de seleção de idiomas no canto superior da barra à direita do conteúdo principal, permitindo ao Google traduzir tudo para qualquer idioma.

Eu escrevi um pequeno artigo contando um pouco de minha vida para o site. Abaixo está um trecho dele.


Growing older, I realized I wouldn’t become a woman purely through my wish to do so. I told my mother about it once, during one of the episodes of deep depression, and she dismissed it as something I only thought about because I had too much free time. Right..

My escape valve was playing online games as female characters and roleplaying them with dedication, living a parallel life where I could be delicate, sensitive, caring and tender without the dangers of societal labels: gay, homosexual. It didn’t help that my moments of attraction to men were few and far between. Now I know this to be a lesbian transgender, but try explaining that to a 15 year old. 


By around that same age, I also developed a little grudge with god – he wouldn’t turn me into a woman, no matter how hard I prayed, cried, or punched the walls – all things I began doing with considerable frequency.




O site eu vou deixar na sessão "Links Úteis". Aliais, se vocês ainda não deram uma olhada, vale a pena - eu só conheço sites relevantes em inglês, mas Google tradutor ajuda, e ali se encontra uma lista de recursos muito valiosos para quem caminha essa estrada nossa.

Beijos,
Mayra