9 de fevereiro de 2012

Método Científico

11/01/12

A sorte me deu uma ajudinha hoje, finalmente. Precisava ir em dois médicos e consegui marcar os dois no mesmo prédio e no mesmo horário só de olhar a lista do plano de saúde, fantástico. Mas, melhor que isso, o endocrinologista que eu fui já trabalhou no IEDE... sabe, o instituto que faz o acompanhamento da transição no Rio... então a bagagem de conhecimento dele é significativa. Me passou uma série de exames de sangue a fazer, que era o que eu queria (analisar o efeito hormonal dos remédios todos que tomo) e até um exame genético. Algumas correntes de médicos defendem que um terceiro cromossomo sexual, algo razoavelmente comum considerando mutações genéticas, pode influenciar no comportamento, e ele teve vontade de saber se tenho algum.

Além disso, comprei as primeiras roupinhas. Nada demais, na verdade estava trocando presentes de natal que eu não ia usar mesmo (por serem masculinos), mas foi legal. Fui com minha namorada e ela me ajudou a escolher. Tentei comprar uns tops de academia, ao invés de sutiãs, mas não deu muito certo para esconder os mamilos porque as costuras são muito altas e aparecem debaixo da blusa. Ah, bom, ainda da pra levar sem isso por enquanto.

E... falei com a minha mãe. Estamos marcando de sair semana que vem. Será que ela vai conversar direito sobre o assunto... finalmente? A esperança é a penúltima que morre... (a paciência vem logo depois).